quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

DESEJAMOS UM FELIZ OLHAR NOVO!


"O grande barato da vida é olhar para trás e sentir orgulho da sua história. O grande lance é viver cada momento como se a receita da felicidade fosse o AQUI e o AGORA. Claro que a vida prega peças. É lógico que, por vezes, o pneu fura, chove demais...
Mas, pensa só: tem graça viver sem rir de gargalhar pelo menos uma vez ao dia?
Tem sentido ficar chateado durante o dia todo por causa de uma discussão na ida pro trabalho? Quero viver bem.
O ano que passou foi um ano cheio.
Foi cheio de coisas boas e realizações, mas também cheio de problemas e desilusões. Normal.
Às vezes se espera demais das pessoas. Normal.
A grana que não veio, o amigo que decepcionou, o amor machucou. Normal.
O próximo ano não vai ser diferente.
Muda o século, o milênio muda, mas o homem é cheio de imperfeições, a natureza tem sua personalidade que nem sempre é a que a gente deseja, mas e aí? Fazer o quê? Acabar com seu dia? Com seu bom humor? Com sua esperança? O que eu desejo para todos nós é sabedoria!
E que todos saibamos transformar tudo em uma boa experiência!
Que todos consigamos perdoar o desconhecido, o mal educado. Ele passou na sua vida. Não pode ser responsável por um dia ruim...
Entender o amigo que não merece nossa melhor parte. Se ele decepcionou, passe-o para a categoria três, a dos colegas. Ou mude de classe, transforme-o em conhecido. Além do mais, a gente, provavelmente, também já decepcionou alguém.
O nosso desejo não se realizou? Beleza, não tava na hora, não deveria ser a melhor coisa pra esse momento (me lembro sempre de um lance que eu adoro: CUIDADO COM SEUS DESEJOS, ELES PODEM SE TORNAR REALIDADE).
Chorar de dor, de solidão, de tristeza faz parte do ser humano. Não adianta lutar contra isso. Mas se a gente se entende e permite olhar o outro e o mundo com generosidade, as coisas ficam diferentes.
Desejo para todo mundo esse olhar especial. O próximo ano pode ser um ano especial, muito legal, se entendermos nossas fragilidades e egoísmos e dermos a volta nisso.
Somos fracos, mas podemos melhorar. Somos egoístas, mas podemos entender o outro. O próximo ano pode ser o máximo, maravilhoso, lindo, espetacular... ou... pode ser puro orgulho!Depende de mim, de você! Pode ser. E que seja!!!
FELIZ OLHAR NOVO! "

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Coisa Linda, de Papai Noel!

Gente, só passei hoje pra mostrar nosso pequeno de Papai Noel, coisa mais gostosa!
O mais bacana foi que ele se divertiu com isso, na hora em que coloquei a roupa nele no estúdio e levei-o ao espelho, deu o maior sorrisão.
E na hora das fotos riu bastante, se divertou mesmo.
Fiquei feliz pelo resultado e por nào ter sido chato pra ele. Em nenhum momento ficou enjoado, gostou muito!
Daí o resultado foi este, P E R F E I T O!

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Vacinas e foto de Papai Noel.


O Otto hoje passeou de ônibus pela primeira vez, risos!
Tive que levá-lo pra vacinar e como não posso ir com ele sozinha de carro pois ele está se jogando pra frente na cadeirinha e não haveria ninguém no banco de trás pra vigiá-lo, acabei indo de ônibus, que furada!
Mas, entre mortos e feridos, salvaram-se todos, risos!
Ele ficou observando tudo e falava muito dentro do ônibus.
Tomou a Rotavírus e a Polio (Laboratório Prophilaxis) e agora tomará dia 21/12 Meningo e Prevenar. Depois só com 6 meses, em fevereiro. Mas como passa rápido.
Dia desses estava fazendo teste do pezinho, assim que nasceu...
Estamos curtindo muito ele, está um sapeca, conversador, sorridente e saudável.
Ontem fomos ao estúdio tirar foto dele de Papai Noel, posto aqui assim que receber o dvd do estúdio.
BOm, só vim escrever esses fatos.
Deixo bjs e boa semana!
Postando fotos pra não perder o habito, adoooooooooooooro!

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

4 Meses. Obrigada Senhor!

Bom, hoje o nosso pequeno completa 4 meses de vida, quanta felicidade!
Só temos que agradecer a Deus por tudo está bem com ele, o resto a gente dá um jeito.
Hoje fomos a Pediatra e o elogiou, afinal ele é um gato, risos!
Está pesando 6.080kg e medindo 61cm. Super saudável!
Esta semana foi o final da faculdade da Tia Fabrícia, não a veremos mais com tanta frequência, afinal, ela agora vai correr atrás da vida profissional dela, boa sorte!
O papai está bem, fazendo um curso de Java no Rio e está chegando tardão em casa, mas esta sexta ele acaba.
Acho que a Tia Letícia escolheu o nome da minha prima que nascerá em fevereiro, se chamará Isabella, mas não é definitivo, pois o Pedro quer colocar Maria Eduarda. Dúvida cruel, mas os dois nomes são lindos!
O mês foi super tranquilo e não temos muita coisa a contar. Só mesmo a agradecer.
Vou postar o que lemos sobre o Quarto Mês:

QUARTO MÊS

Aos quatro meses, o bebê balbucia animadamente e adora brincar, chegando a dar gargalhadas! Agora ele já tem consciência de si mesmo e reconhece a sua imagem refletida no espelho.
Muda de posição para poder explorar tudo o que acontece ao seu redor. Tenta levar à boca tudo o que consegue agarrar. Movimenta-se com rapidez e pode rolar da cama se não tomar cuidado. Consegue sentar com apoio, segura os objetos com as duas mãos e tenta pegar os brinquedos que são colocados perto dele.
O banho passa a ser uma verdadeira fonte de brincadeiras.Já demonstra preferência por um brinquedo e passa a mostrar escolha nos sabores dos alimentos que lhe são apresentados.
É no final do quarto mês que a audição do bebê pode ser melhor avaliada.Nessa fase, o bebê procura com os olhos a fonte de um ruído suave que é feito por alguém fora do seu campo visual. Em caso de dúvidas sobre a capacidade auditiva do bebê, deve-se conversar com o pediatra.

Choro

Por volta do quarto mês, as crises de choro costumam diminuir e o bebê, durante o tempo em que está acordado, fica quieto observando o que ocorre à sua volta. Mas ele ainda chora por estar com fome, sujo, frio ou calor, sede, dores ou febre.Se o choro não for motivado por esses fatores, o colo, palavrinhas carinhosas e carícias suaves na cabeça podem ajudar a acalmá-lo. A criança inquieta também se acalma e acaba dormindo se for carregada no canguru por um pouco de tempo ou colocada no carrinho e empurrada para frente e para trás suavemente.

Fonte: www.mambaby.com