sexta-feira, 30 de setembro de 2011

O NÓ DO AFETO (Eloi Zanetti)



Era um reunião numa escola. A diretora incentivava os pais a apoiarem as crianças, falando da necessidade da presença deles junto aos filhos. Mesmo sabendo que a maioria dos pais e mães trabalhava fora, ela tinha convicção da necessidade de acharem tempo para seus filhos.

Foi então que um pai, com seu jeito simples, explicou que saía tão cedo de casa, que seu filho ...ainda dormia e que, quando voltava, o pequeno, cansado, já adormecera. Explicou que não podia deixar de trabalhar tanto assim, pois estava cada vez mais difícil sustentar a família. E contou como isso o deixava angustiado, por praticamente só conviver com o filho nos fins de semana.

O pai, então, falou como tentava redimir-se, indo beijar a criança todas as noites, quando chegava em casa. Contou que a cada beijo, ele dava um pequeno nó no lençol, para que seu filho soubesse que ele estivera ali. Quando acordava, o menino sabia que seu pai o amava e lá estivera. E era o nó o meio de se ligarem um ao outro.

Aquela história emocionou a diretora da escola que, surpresa, verificou ser aquele menino um dos melhores e mais ajustados alunos da classe. E a fez refletir sobre as infinitas maneiras que pais e filhos têm de se comunicarem, de se fazerem presentes nas vidas uns dos outros. O pai encontrou sua forma simples, mas eficiente, de se fazer presente e, o mais importante, de que seu filho acreditasse na sua presença.

Para que a comunicação se instale, é preciso que os filhos 'ouçam' o coração dos pais ou responsáveis, pois os sentimentos falam mais alto do que as palavras. É por essa razão que um beijo, um abraço, um carinho, revestidos de puro afeto, curam até dor de cabeça, arranhão, ciúme do irmão, medo do escuro, etc.

Uma criança pode não entender certas palavras, mas sabe registrar e gravar um gesto de amor, mesmo que este seja um simples nó.

E você? Tem dado um nó no lençol do seu filho?
 
 

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Exposição: Gigantes da Era do Gelo.

Gigantes da Era do Gelo – Confira!



A mostra não é grande e por ser dividida em dois espaços separados, um no Barrashopping e outro no NY City Center, fica a impressão de ser ainda menor.
Mas a garotada curte! Se você estiver por lá, vale a pena conferir.

21 de setembro a 12 de outubro

BarraShopping e New York City Center
Avenida das Américas, 4666 – Barra da Tijuca – RJ
Tel: 4003-4131
Diariamente, das 10h às 22h
Indicação etária
Livre
Grátis






















Fonte: 1001roteirinhos


Mamãe do Otto.





































::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::



21 de setembro a 12 de outubro

BarraShopping e New York City Center

Avenida das Américas, 4666 – Barra da Tijuca – RJ

Tel: 4003-4131

Diariamente, das 10h às 22h

Indicação etária
Livre

Grátis





quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Enquete - Nova Cama pro Otto

A mãe está vendo ele crescer, é fato. Mas, mãe custa a aceitar, se é que aceita....Mas, agora é pra valer...
O Otto cresceu!
Hoje foi batido martelo. Sabem porque?!

Quando compramos pro Otto o berço americano, que vira mini-cama, quando montamos o quarto, com 1 ano e 5 meses de idade, como conto aqui, ele recebeu super bem a mudança.
Curte muita a cama até hoje e não abre mão de dormir no quarto dele.
Ele gosta mesmo, e isso é muito importante pra ele e pra nós como casal.

Mas, como disse antes, ele cresceu...pesou...e o colchão sentiu.
Então, saiu a Mamãe em busca de um novo colchão para a cama dele, mas, na loja, fui informada que, posso até comprar, mas não vai durar.
Porque ele está pesadinho, porque ele está grandinho...
E o vendedor disse, que o correto, é passar a usar colchão com densidade, ou seja, cama de solteiro. Porque os colchões para mini-cama, são de berço, não suportam peso muito maior que de um bebê.

E aí, me pegue em sites, buscando camas pro pequeno.
Mas, estou mega indecisa, então, resolvi pedir a ajuda de vocês...

Então, lá vai...


 Eu e Gu gostamos dessa...


O Otto, claro, gostou dessa, e nós tb, risos!


Então, a dúvida é...
cama comum?
cama temática?


OPINEM.


Me ajuda vai gente, deixa recado...e se tiver mais sugestão, deixa o link.
Bjs.

Mamãe do Otto

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Club Med Trancoso com Crianças

Gente, fiquei morrendo de vontade de voar AGORA pra lá e curtir muuito com o maridão e o filhote.
Delícia de lugar, aff!
Adorei a repostagem que recebi por e-mail pelo site 1001 roteirinhos com dicas dessa Mamãe quwe viajou com a família para um encontro de Blogueiros, mega legal!

(VALE SEMPRE LEMBRAR QUE RECEBO POR E-MAIL DO SITE 1001 ROTEIRINHOS E SÓ TRANSCREVO...OS CRÉDITOS ESTÃO NO FINAL DA MENSAGEM.
CLARO QUE RETIRO AS FOTOS QUE SÃO PARTICULARES).

--------

Adoro viajar! Mesmo com filho pequeno, é uma das coisas que mais gosto de fazer. É claro que viajar com criança requer um pouco mais de organização, mas é uma delícia também. Se você vai para um lugar onde é possível curtir e ainda ter todas as facilidades para os pequenos, melhor ainda, não acha?

Assim é o Club Med Trancoso, na Bahia.

Convidada a participar do Encontro de Blogueiros de Viagem (muitos deles com filhos), parti para lá com a família e cheia de expectativas, já que não conhecia o resort.

O lugar é maravilhoso, sem dúvidas! Com todo o conforto, muita energia e atividades para os hóspedes, além de uma cozinha fantástica e uma vista inesquecível! O village conta com escola de trapézio e Golfe (um dos campos mais bonitos do mundo), campo de volei, arco e flexa, spa, sala de musculação, lojinha, uma piscina linda, e GOs (gentis organizadores) super atenciosos e divertidos. Os jantares temáticos são uma atração à parte!






Como mãe, fiquei encantada com a estrutura para as crianças, desde bebês até os maiorezinhos. Carrinhos de bebês passeiam pelo Village a todo momento. As opções são divididas por idade: Club Med Baby Welcome para recém-nascidos até 2 anos ; Petit Club de 2 a 4 anos incompletos (opcional); Mini Club de 4 a 11 anos e Juniors’ Club Med de 11 a 18 anos incompletos.

O hóspede tem à disposição berço, banheirinha, cadeirão nos restaurantes, aquecedor de mamadeira e carrinhos para empréstimo. No restaurante há o Cantinho do Bebê onde as mães podem encontrar papinhas doces e salgadas e alimentos específicos para os bem pequenos, além de utensílios para o preparo das refeições, encontrados, também, na Copa do Bebê aberta 24h por dia.

Meia hora antes das refeições dos adultos, é a hora da criançada do Mini Club repor as energias. Assim, mesmo acompanhadas dos monitores, as crianças têm a presença dos pais que depois ficam livres para poder fazer suas refeições com tranquilidade enquanto as crianças voltam para as brincadeiras. Alimentação para os pequenos não é problema, a variedade é imensa! Na hora da sobremesa, os sorvetes com granulados são unanimidade entre a garotada !






Por ser all inclusive, café da manhã, almoço e jantar estão incluídos, inclusive bebidas. É muito divertido ver os pequenos cheios de autonomia pedindo seus sucos e águas de côco no bar!

Além do horário especial reservado para as refeições, as crianças têm, à disposição, diversas atividades. Durante o dia, os pais também podem optar pelo monitoramento da galerinha pelos GOs, funcionários do resort que ficam responsáveis pela criançada no Mini Club com toda a segurança e muita animação! Mas isso fica para o próximo post! ;)

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Participantes do #EncontroBlogueirosClubMed em Trancoso


Blogueiros:

Trilhas e Aventuras – @aventureiros por Maurício Oliveira

Viajar é Tudo de Bom – @viajartudodebom por Flávia Peixoto

Turista Profisional – @TuristaProf por Ana Catarina

Vou Contigo – @voucontigo por Átila Ximenes

1001 Roteirinhos – @1001roteirinhos por Eliane Ceccon

Viagem com Pimpolhos – @viagempimpolhos por Sut-Mie

Blog de Viagem – @blogdeviagens por Diego Fontenele

Blog Sem Destino – @blogsemdestino por Luciano (representando o Pedro Serra)

Blog Vambora – @vambora por Guta Cunha

Eu Viajo com meus Filhos – @viajocomfilhos por Halini Saad

Viaje na Viagem – @viajenaviagem por Elisa Araújo (representando o Ricardo Freire)


RECEBIDO POR E-MAIL DO SITE: http://www.1001roteirinhos.com.br/


sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Pérolas do Otto - Dora Aventureira

Pra mãe, filho é bebê de colo, pra sempre.
Tem vários tipos de mãe e não vou aqui enumerar não, porque posso ser injusta ou esquecer de alguma espécie, risos.
Eu sou o tipo de mãe realista, aliás, sempre fui muito pé no chão, com a relação a todas as coisas na minha vida.
E depois do 3º aniversário do Otto, percebi uma mudança muito grande.
No jeito de falar...
Na maneira de demonstrar sua vontade...
E até no jeito de brincar.

O meu filho cresceu...e percebo isso pela maneira mais bonita,  a maneira dele expressar sua vontade.
Não, ele não é birrento, não se joga no chão (ainda), não faz escândalo.
Mas já verbaliza suas vontades.

Pérola 1 - Dia desses, jogo na Tv altas horas, ele sentado no sofá e eu falo: Bebê, vamos dormir com a Mamãe?
Ele com toda sua calma e falando baixinho: Não Mamãe, tô vendo jogo.

Pérola 2 - No meu almoço, dou um pulo na creche pra vê-lo, matar a saudade, saber se comeu bem, etc.
Ultimamente, tenho chegado e ele nem confiança me dá, daí chamo, beijo, ele me abraça, digo que estou com saudade e ele diz que também está, coloco no chão, ele empurra a minha perna e fala: Agora vai trabalhar, vai.

Pérola 3 - Dei algo a ele e ele: ObrigadA Mamãe, mas, logo depois: ObrigadO, porque obrigadA é de menina, não é Mamãe?!

Pérola 4 - Ele gosta muito de ficar em casa conosco, tanto que se demoramos em algum lugar, seja qual for, casa dos avós, que seja, ele vira e fala: Vamos pra casa, vamos Mamãe?!

E assim, menino Otto vai crescendo, gostando ainda de carros, agora de super heróis (Hulk, Homem de Ferro, Homem de Ferro, Homem de Ferro...risos).

Meu bebê está se tornando um menino, um tanto tímido ( nos primeiro 10 minutos, deposi passa), musical, inteligente, educado mas cheio de personalidade.

E segue...crescendo!

--------------------------------------------
Dora Aventureira

Está chegando ao Rio no dia 24 de setembro o espetáculo musical “Dora A Aventureira Ao Vivo!” em sua primeira turnê pelo Brasil. Voltado para crianças em idade pré-escolar (até seis anos), é baseado na animação de sucesso da menina de sete anos que está sempre vivendo aventuras enquanto ensina o público a falar inglês.


Para a alegria de todos e felicidade geral dos pimpolhos, estamos lançando uma nova promoção que vai sortear 3 convites para o espetáculo do dia 24 de setembro, sábado, às 11h.

Dora Aventureira

PARA PARTICIPAR -> basta curtir nossa página no Facebook – https://www.facebook.com/1001roteirinhos - e deixar um comentário ali embaixo, neste post com nome e email de contato.

O sorteio vai rolar na sexta, dia 23 de setembro, às 14h pelo site Random.Org. O ganhador pega os convites direto no Citibank Hall no dia do espetáculo.

Cruzem os dedos! Boa sorte!


:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Mais informações sobre o espetáculo confiram o post “DORA, A AVENTUREIRA” pela primeira vez no Brasil

:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Citibank Hall/RJ

Av. Ayrton Senna, 3000 – Shopping Via Parque – Barra da Tijuca

Informações: 4003-6464

Classificação etária
Livre. Menores de 12 anos acompanhados de pais ou responsáveis.

Crianças de colo até 01 (um) ano de idade, não pagam ingresso.

Maiores de 01 (um) ano até 12 (doze) anos pagam meia-entrada mediante apresentação de documento (RG ou Certidão de Nascimento).