terça-feira, 31 de maio de 2011

Programação Infantil?!

Pois é, a gente escolheu criar o Otto  na cidade onde fomos criados, pra brincar na pracinha, correr na areia, ser amigos dos filhos dos nossos amigos de infância, enfim...lugar onde todos se conhecem ou são parentes.
Mas, não se pode ter tudo, então, infelizmente aqui não se tem muuuitas programações infantis, tipo teatro, programas de comemoração ao dia disso ou daquilo, como na cidade.

Diante dessa situação, resolvi toda semana buscar programação infantil pro Otto e se estiver ao nosso alcance, levá-lo pra conhecer, vivenciar e até participar de tudo.

Sempre que puder, vou postar programação infantil aqui, pensando no Otto e em ajudar a quem tiver interesse em levar os pequenos para um programa divertido.


FONTE: http://1001roteirinhos.com.br/


Comemorando o Dia Mundial do Meio Ambiente


Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado em 5 de junho e diversos eventos vão acontecer pela cidade do Rio com o objetivo de chamar a atenção para as necessidades de preservação ecológica.
MEIO AMBIENTE

No Jardim Botânico vai rolar uma programação especial para crianças e adultos no próximo fim de semana, 04 e 05 de junho,  fazendo parte do evento Eu Neutralizo que tem como objetivo sensibilizar os visitantes sobre as práticas sustentáveis no cotidiano. Vão ser oferecidas oficinas de artes, recreação, exposições, apresentação de projetos ambientais, teatro, esquetes surpresa e visitas guiadas pela Trilha Árvores Nobres, entre outras atrações. As atividades são gratuitas e vão acontecer no gramado do Lago das Tartarugas, em frente ao Centro de Visitantes, no arboreto, no parquinho e na Coleção de Plantas Medicinais (ao lado do parquinho).

O Dia Mundial do Meio Ambiente também vai ser o tema da próxima edição de Um domingo na Casa de Rui Barbosa no dia 05. Com entrada franca, as atividades começam às 14h30. Vai rolar contação de histórias (“A Fruta Amarela”, com a dupla Axullé & Axupé), oficina de arte com material reciclado (“O Lixo que vira Arte”, coma construção de vários brinquedos populares com material reciclado) e visita dramatizada ao museu. É diversão para toda a família!

Dentro da Semana do Meio Ambiente, o evento Ambiente de Portas Abertas vai prestar uma homenagem à Mata Atlântica. Além de diversas palestras durante a semana no auditório do Inea, no sábado, 04 de junho, vai ser lançado o Programa “Conheça um Parque do Estado” com visita ao Parque Estadual da Pedra Branca em Jacarepaguá. E no domingo a comemoração acontece no Aterro do Flamengo com a Festa do Ambiente. O evento vai contar com diversas atrações como DJ, artistas circences, pintura corporal, campanha de combate à dengue, contação de história, grafite, oficinas de educação ambiental e relançamento da campanha “Soltar Balão é a mó queimação”.
Aterro do Flamengo na altura da Rua Dois de Novembro das 10h às 15h

 ——————————————————————————–
Jardim Botânico do Rio – www.jbrj.gov.br
Rua Jardim Botânico, 1008 – Jardim Botânico – RJ
 ——————————————————————————–
Fundação Casa de Rui Barbosa – www.casaruibarbosa.gov.br
Rua São Clemente, 134 – Botafogo – Rio de Janeiro
Tel: (21) 3289-4600

----------------------------------------------------------------------------


Garage Sale para crianças

GARAGE_SALE 
Não tenho dúvidas de que a garotada cada vez conquista mais o seu espaço. Para quem duvida, que tal um o Garage Sale para crianças? O evento promovido pelo curso de inglês Dice (especializado em inglês para bebês, crianças e adolescentes) é aberto ao público com entrada gratuita e acontece nos dias 15 e 16 de junho.
 A idéia é vender brinquedos, roupas, jogos, livros, CDs e outros objetos que pertenceram aos alunos do curso, com idade entre seis meses e 14 anos, a preços reduzidos.
Além da venda, o objetivo é estimular o uso do idioma oficial do Garage Sale, o inglês, entre os participantes, além de promover maior inteiração entre pais, filhos e amigos.
Idéia legal, não acham?

Garage Sale Dice 2011
15 e 16 de junho
Durante todo o dia
Entrada gratuita

———————————————-
Dice English CourseRua Fonte da Saudade, nº 193 – Lagoa – RJ
Tel: (21) 3215-2380
E-mail: dice@dice.com.br
 --------------------------------------------------------------------------------------------







segunda-feira, 30 de maio de 2011

FAZER O BEM...SEM OLHAR A QUEM.

Amigos,




eu e um grupo de amigas (a gente costuma se reunir pelo menos uma vez por mês) vamos doar roupas, brinquedos, cobertores, comida, enfim, pra quem precisa.

Cada mês vamos escolher alguma coisa e depois vamos levar pra quem precisa, (vamos combinar que nesse frio, se a gente, embaixo da coberta não aguenta, imagina quem não tem pra onde ir)...
Por isso, não custa nada ajudar, né?!

Junho é o mês das roupas e vamos doá-las ao Lar Nossa Senhora do Carmo - Rua Ambelina Almeida Simoes, 101, Porto da Roça, Saquarema (final da rua do Pedacinho do Céu) - Tel. 2651-9918.

Se cada um doar uma blusinha, que seja, no final teremos muitas blusinhas pra esquentar muitas pessoas! Por isso, conto com a ajuda de vocês.

Quem tiver qualquer coisa que possa colaborar, me avise, por favor, VAMOS AJUDAR!



Beijinhos e conto com vcs!



--

Janaina Figueiredo

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Se um cachorro fosse professor, você aprenderia assim:


Quando alguém que você ama, chega em casa, corra ao seu encontro.
Nunca perca uma oportunidade para ir passear.
Permita-se experimentar o ar fresco do vento no seu rosto.
Tire uma sonequinha no meio do dia e espreguice antes de levantar.
Corra, pule e brinque todos os dias.
Tente se dar bem com o próximo e deixe as pessoas te tocarem.
Não morda quando um simples rosnado resolve a situação.
Em dias quentes, pare e role na grama, beba bastante líquido e deite debaixo de uma sombra de árvore.
Quando você estiver feliz dance e balance todo seu corpo.
Não importa quantas vezes o outro te magoa, não se sinta culpado, volte e faça as pazes novamente.
Aproveite o prazer de uma longa caminhada.
Se alimente com gosto e entusiasmo.
Seja leal.
Coma o suficiente.
Nunca pretenda ser o que você não é.
E o MAIS importante de tudo...
Quando alguém estiver nervoso ou triste, fique em silêncio, fique por perto e mostre que você está ali, pra confortar.

E nós precisamos aprender isso com um animal que dizem ser irracional.
Ready do Brasil - Group

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Será que ele é tímido?

Lá vem as fotos da festa do dia das Mães.

A festa foi linda, me emocionei com as turminhas cantando e gesticulando, olhos marejados...
Assim que a turma entrou, Otto me achou entre as muitas mamães e já tentou fugir, mas foi impedido pela tia, risos.
Bem que tentaram mantê-lo na apresentação, mas foi em vão, então, nem teve emoção.


Depois que fugiu, se escondeu atrás do coração com vergonha da Mamãe e nem quis mostrar o que tinha escrito nele.


Mas, assim que turminha dele acabou a apresentação ele ficou soltinho. Correu, suou, observou tudo e até aceitou tirar foto com a Mamãe.

No caminho pro carro, comentando sobre a festa ele contou: Não cantou a música, tirou o coração do pescoço.

Será que ele é tímido?
Taí, um assunto pra um próximo post.

Mamãe do Otto.

domingo, 8 de maio de 2011

Feliz Mamães!



Mãe, mulher que nasceu para amar
o amor mais sublime possível de conceber
Dar a luz a um novo ser
e à ele se entregar, de corpo e alma

Mãe, braços que abrigam a calma
que se espera encontrar
em difíceis momentos da vida
Nesse abraço faz-se a acolhida
ao nosso pranto e dor
Mãe, palavra que inspira o Amor

Amor total, sem limites
mesmo em momentos de confronto
quando a voz se eleva em repreensão
pois não queremos, na verdade,
que nosso filho sofra em vão

Esse sofrer não podemos evitar
e nos dói  no coração
quando nosso filho vemos a penar
nas dores da desilusão

Gostaríamos de criar a sua volta uma redoma
que os protegesse de todo o mal
mas  sabemos que a vida é uma soma
e pior seria mascarar o que é real

Deixemos, então, crescer nossos filhos queridos
atentas às suas necessidades
e quando estiverem feridos
cuidemos deles com toda nossa bondade.

Em nossas mãos  temos uma vida
que geramos em nosso ventre
Não há, então, outra saída
a não ser juntos seguirmos em frente


Ianê Mello

domingo, 1 de maio de 2011

Dormir fora de casa.




Cunhada linda, fazendo 30 anos.
E, resolveu comemorar em grande estilo.
Festinha anos 80, pra dançar, curtir e divertir mesmo, mas pra isso acontecer, não poderíamos levar o Otto.
Não, pelo amor de Deus não estou dizendo que ele atrapalhe, mas convenhamos, não é festa pra criança, estava marcada pra começar às 22h e, verdade seja dita, se levássemos, não nos divertiríamos tanto, ficaríamos preocupados com o bem estar dele, a música é alta, etc, etc, etc.
Milhões de motivos para não levar uma criança, fora o bom senso, claro.

Então, ligamos para a Vovó Diléia e pedimos a ela para compartilhar conosco uma nova experiência.
Passar a noite com o Otto, fora da nossa casa. Seria a primeira vez (medo).

Mas, como de praxe, conversei e disse a ele com muito entusiasmo que ele iria dormir com a Vovó Diléia, com Vovô Cilésio, com Tia Monique.
Que ele iria fazer bagunça.
Que quando o sol tivesse lá no céu, a Mamãe iria buscá-lo.
E ele falou rapidamente: com Marley (o yorkshire da Tia Monique). Vou dormir com Marley, mamãe.
Morremos de rir e o Papai comentou: ih, Marley vai lamber sua cara, rapaz. (E não é que lambeu e ele achou super legal).

Bom, preparamos a mochila, perguntei a ele o que queria levar de brinquedo, dvd e ele participou escolhendo (acho isso importante), pegou o travesseirinho, colocou na mochila (coisa linda).
Demos banho,  jantar, sobremesa e seguimos para a casa da Vovó, imaginando que ele dormiria no carro, e dormiu. Queríamos deixar ele acordado, sabe, mas não deu.
Meu receio era, ele acordar na madrugada pra pedir mamadeira, perceber que não estava em casa e abrir a cara a chorar, acabando com a noite tranquila de todos naquela casa, aff.
Mas, isso não aconteceu!

Deixamos ele lá, dormindo e partimos para a festa. Lá pelas 2h da matina, percebi que o celular havia acabado a bateria e o do Papai não tinha sinal dentro do salão (lei de murphy).
Mas, pra ficarmos mais tranquilos, tínhamos que ao menos ver se tinha ligação perdida e precisava do sinal.
Lá vou eu pra rua e quando finalmente consegui um sinal, liguei, claro.
Minha mãe sussurrando: "está tudo bem". Avisei que estava sem bateria, e só.

A festa foi excelente, divertidíssima, dançamos, bebemos e rimos muito. A decoração de muito bom gosto e ainda teve bateria do bloco aqui da cidade, pra fechar com chave de ouro no parabéns, muito bacana mesmo.

Nem vou entrar no mérito de que é óbvio que é super importante pro casal, ter um pouco mais de tranquilidade, saber que a criança está bem e que podemos nos "jogar" na diversão sem tempo pra acabar.
A D O R A M O S!
A experiência foi PERFEITA!

Mas, claro, que isso tudo ficou lindo porque o pequeno ficou super bem na casa dos avós.
Acordou, reclamou que a porta do quarto estava fechada (pois a dele fica aberta e sai a hora que quer).
Foi a padaria com a Vovó, comprou pão quentinho, comeu e tomou café. Depois comeu mingau de farinha láctea, brincou com o primo Rafael, viram Robôs juntos.
Passeou com Tia Monique na rua e ganhou dela um Relâmpago Mcqueen.
Ah, não tem como não ter adorado.

E enfim a Mamãe foi buscar e ele nem confiança me deu a hora que cheguei, risos.
Mas achei ótimo, sinal de que estava seguro.

E, com isso, nossa primeira vez sem o pequeno durante a noite e a dele, dormindo fora de casa foi um SUCESSO.
Daí, surgiu a dúvida: levo ou não a Ouro Preto no feriado de junho? Mas serão 4 dias, será que aguento?
Essas serão cenas do próximo post, risos.

Assunto aqui, não falta.

Jana, Mamãe do Otto.