domingo, 8 de maio de 2011

Feliz Mamães!



Mãe, mulher que nasceu para amar
o amor mais sublime possível de conceber
Dar a luz a um novo ser
e à ele se entregar, de corpo e alma

Mãe, braços que abrigam a calma
que se espera encontrar
em difíceis momentos da vida
Nesse abraço faz-se a acolhida
ao nosso pranto e dor
Mãe, palavra que inspira o Amor

Amor total, sem limites
mesmo em momentos de confronto
quando a voz se eleva em repreensão
pois não queremos, na verdade,
que nosso filho sofra em vão

Esse sofrer não podemos evitar
e nos dói  no coração
quando nosso filho vemos a penar
nas dores da desilusão

Gostaríamos de criar a sua volta uma redoma
que os protegesse de todo o mal
mas  sabemos que a vida é uma soma
e pior seria mascarar o que é real

Deixemos, então, crescer nossos filhos queridos
atentas às suas necessidades
e quando estiverem feridos
cuidemos deles com toda nossa bondade.

Em nossas mãos  temos uma vida
que geramos em nosso ventre
Não há, então, outra saída
a não ser juntos seguirmos em frente


Ianê Mello

2 comentários:

  1. Que lindo, Jana! Realmente, mãe é tudo e mais um pouco! Bjinhos, gata! E parabéns por esse dia tão especial! :)

    ResponderExcluir
  2. que poema lindo... ser mãe é maravilhoso é a melhor dádiva que Deus poderia nos dar.. que Deus te abençoe grandemente flor e q seu dia tenha sido ótimo! beijos!

    ResponderExcluir

Obrigada!
Fico muito feliz sempre que leio um comentário carinhoso!
Bjks e fique com Deus!