quarta-feira, 15 de abril de 2009

Toques de Amor

Nos primeiros meses, os bebês se desenrolam da posição fetal e alongam os músculos, abrem as articulações e coordenam os movimentos. A massagem Shantala, trazida da Índia é adequada a esses meses de formação. Motiva a coordenação e a elasticidade muscular, ajudando a preparar o bebê para as habilidades físicas e coordenadas que se seguirão.
O hábito de massagear o bebê é um dos mais eficientes para criar e fortalecer a ligação entre pais e filho. O Otto adora não só a massagem como o carinho, fica todo arrepiado e acha graça, fica quietinho recebendo, uma graça.
A massagem relaxa e provoca bem estar. O interessante é começar o quanto antes a massageá-lo, na segunda semana de vida foi quando comecei com o Otto e prossiga até quando vocês desejarem.
Eu providenciei creme hipoalergênico, indicado pela Pediatra dele pois o Otto tem dermatite atópica e não pode usar óleos comuns, mas eles são utilizados normalmente, bons são os que acalmam, como de calêndula ou camomila.
O ambiente deve estar tranquilo e o bebê também ou seja, sem fome, de estômago cheio, enjoado não é interessante fazer.
Escolha uma hora que estejam você e seu bebê somente em casa, deixe-o sem roupa. Os movimentos devem ser leves, lentos e regulares. Li uma vez que no primeiro mês não é interessante tocar na região do abdôme, mas não sei explicar o porque.
Os movimentos, são leves e geralmente levando da cabeça, rosto para as extremidades (dedos), passando pelso braços.
Mas cada bebê tem uma sensbilidade, por exemplo o Otto sente cócegas na região da cintura, então evito fazer aí, só passo a mão, bem de leve.
Eu sempre massageio todo o corpinho, bem lentamente, inclusive as costas e vou até o bumbum, ele adora.
Nas pernas eu envolvo a coxa com a minha mão e desço em direção ao pé com movimento de rosquear. Sempre usando óleo ou hidratante de sua preferência.
Nos pés é interessante, massagear com o polegar, deslizando até o calcanhar e depois com a palma da mão
O importante, além de ser carinhosa e leve nesta hora, é a troca de olhar, de confiança, de amor, de cumplicidade entre nós.
Isso não tem preço.
Vamos lá mamães, vamos praticar o toque de amor!

Depois volto com mais, resolvi dar atenção ao meu blog e torná-lo de utilidade para as mamães de primeira viagem como eu, com minhas experiências com esta Nova Vida dada por Deus.

Janaina

Um comentário:

  1. Jana, q lindo o blog do Otto!! Vc é uma mami m dedicada. Parabéns!!!!

    ResponderExcluir

Obrigada!
Fico muito feliz sempre que leio um comentário carinhoso!
Bjks e fique com Deus!