domingo, 12 de junho de 2011

Dê a quem você ama asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar". (Dalai Lama)


Namorado....é um estado de espírito e não um estado civil.
Estar enamorado, pra ser gostoso, intenso, tem que haver reciprocidade, se não não é par, não é casal, não é namoro.

Manter-se apaixonado e manter o outro no mesmo estado de espírito é uma arte.
Arte de todo dia,  de gesto, de palavra, de confiança, de reciprocidade (olha ela aí de novo), de desejo, de intensidade.

Quem tem medo de viver intensamente, qualquer coisa, não consegue enamorar-se.

Paixão intensa, que dura pra sempre e mais um ano, não é a de matar, aquela arrebatadora.
É aquela que te esquenta, mas te acalma, te faz sentir viva e te da paz, tudo ao mesmo tempo mesmo.

Mas, tudo isso só acontece, se mantem e permanece, se existir confiança.
Com ela, a gente se entrega sem medo,
a gente recebe de volta até em dobro do que emitiu,
a gente sente só de chegar perto,
de olhar, de sorrir, que é pra sempre! E mais um ano.

Janaina Figueiredo

2 comentários:

  1. Que coisa mais lindaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!!!!! É a mais pura verdade, Jana! Lindo! :)

    ResponderExcluir

Obrigada!
Fico muito feliz sempre que leio um comentário carinhoso!
Bjks e fique com Deus!